terça-feira, 2 de outubro de 2007

Vim, vi e comi 1

Domigo, aceitei a sugestão do caderno de gastronomia do jornal Zero Hora e fui conhecer a Quicheria, na Praça Maurício Cardoso, bairro Moinhos de Vento. Um endereço, aliás, de alta rotatividade de iniciativas gastronômicas.

As fotos no jornal eram lindas, os recheios, muito apetitosos. O lugar de fato é bem bacana. Chão de cimento queimado com ladrilhos hidráulicos, mesas de madeira rústicas, assim como parte do revestimento das paredes, quadros em preto-e-branco evocando a França, terra natal das quiches. Os arranjos das mesas bem simpáticos, garrafas de suco de uva fazendo as vezes de vasos para gérberas vermelhas. Tá, mas e a comida?

Bem, o primeiro problema foi que as mesas estavam com as toalhas não exatamente limpas. Tira um pouco da graça, não sei se concordam.

Aí vieram as quiches. Pedimos uma de abóbora, funghi e parmesão e outra de cordeiro. Elas são acompanhados por salada verde e custam R$ 14,00 cada. Não são grandes; portanto, uma só não vai bastar se você estiver faminto. Até aí, tudo bem. A massa é gostosa, bem crocante e dourada, o problema é que o recheio não era como na foto! Pois é, quantas vezes ouvimos isso... Mas eu realmente esperava que, como foi publicado em um caderno de gastronomia, houvesse uma certa correspondência. O recheio é formado basicamente pelos ovos batidos. A moranga, o funghi passaram quase despercebidos, formavam uma camadinha muito fina. O mesmo aconteceu com o de cordeiro. Cadê o cordeiro?
Vim, vi, comi e me decepcionei.

Um comentário:

Alexandre disse...

Hummm... curioso que uma vegetariana tenha avaliado um prato de carne...

E o provador do venenoso cordeiro não foi creditado... mistério...