quarta-feira, 22 de abril de 2009

Confraria de Páscoa – Torta de frango do Gaspar

Esta torta deliciosa foi a grande contribuição de Gaspar, o prendado, à Confraria. E o melhor: permite muitas variações. Ele dá a receita.

Massa:
1 xícara de chá de leite
1 e 1/2 xícara de chá de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento químico (para bolo)
3/4 de xícara de chá de óleo de soja
3 ovos
1 pitada de sal
tempero verde a gosto (opcional)

Modo de fazer:
1. Bata todos os ingredientes no liquidificador até ficar uma massa homogênea. Particularmente, coloco primeiro todos os ingredientes líquidos primeiro, depois os sólidos, menos o fermento, misturo tudo. O fermento é o último.

Recheio:
1. Desfie 1 peito médio de frango, refogue com cebola e temperos preferidos. Pode colocar tomate, mas pouco, porque a consistência tem de ser um molho seco. Opcionais: ervilha e milho enlatados.
2. Depois de pronto, acrescente um copo de requeijão, tornando um recheio de aparência cremosa.


Montagem:
1. Unte uma forma retangular ou prato refratário. Despeje um pouco da massa para cobrir o fundo da forma ou prato. Distribua no centro o recheio e cubra-o com o restante da massa. Leve ao forno médio, previamente aquecido.


Sugestão: substitua o recheio de frango por um refogado (seco) de espinafre com ricota fresca.


Observação: no forno, a massa crescerá e quando, estiver bem dourada (de 20 a 30 minutos), deslige e espere esfriar. Neste momento, a massa “afunda” no centro, dando o efeito das bordas. Bom proveito!

7 comentários:

ameixa seca disse...

Aqui chamamos de Bôla a essas tortas salgadas que levam carnes pelo meio... São deliciosas :)

A DONA DO MUNDO disse...

POIS ENTÃO, ESSA BÔLA ESTÁ COM UMA APARÊNCIA DE TIRAR O FOLEGO
BEIJO

Dani disse...

Gosto de tortas assim, com massa bem fofa!

Anakoelho disse...

Q. maravilha ficou sua torta!Me
deu fome rsrsrs.A receita é mto fácil,será q. ficará igual à sua?
Parabéns pelas receitas!
Abraço


Ana.

Fátima disse...

Essa torta, além de,gostosa pode ser feita com os ingredientes que temos a mão, não é mesmo?!

Doces Temperos disse...

Em Portugal também fazemos muito esse tipo de de bolo ou pão com carnes, chamamos folar ou bolas. São uma delicia.Este está com um óptimo aspecto.

Rosane Vargas disse...

Ameixa e Dona do Mundo, ficamos muito surpresos ao saber que esse tipo de torta se chama bola em Portugal. Adotamos, claro, porque é muito fofo!

Dani, eu também gosto. O problema é que a gente não para de comer rsrs.

Ana, o sabor é ótimo. O pessoal da confraria raspou o prato.

Fátima, essa foi a grande dica do Gaspar. Dá para usar a imaginação com os mais variados recheios. É do tipo limpa-geladeira.

Doces Temperos, olha só, um novo nome: folar. Essas trocas são muito legais.

Gurias, o Gaspar adorou ler os comentários e o sucesso da torta. Grande beijo!