domingo, 10 de março de 2013

Cuscuz marroquino fácil, fácil


Eu descobri o cuscuz marroquino há poucos anos e virou um curinga. O preparo é muito fácil e o ingrediente é bastante versátil. Dá para servir como entrada, prato principal, complemento. Esta minha versão eu faço muitas vezes e já apresentei na Confraria Sem Nome, que agora tem um blog só para ela. Dá para servir como na foto, em um prato maior, ou em porções individuais, em copinhos, ao estilo finger food.

Ingredientes:
200g de cuscuz marroquinho
200 ml de caldo de legumes quente
1/4 xícara de amêndoas cortadas (pode-se comprar já filetadas)
1/4 xícara de abobrinha italiana cortada em cubos
2 colheres de sopa de azeite de oliva extravirgem
1/4 xícara de damasco picado
sal a gosto
azeite de oliva extravirgem a gosto
pimenta-do-reino branca a gosto

Modo de fazer:
1. Hidrate o cuscuz com o caldo de legumes. Deixe até absorver todo o líquido, cerca de 15 minutos. Reserve.
2. Enquanto o cuscuz é hidratado, aqueça uma frigideira antiaderente e toste as amêndoas. Reserve.
3. Utilize a mesma frigideira, colocando as duas colheres de azeite, para saltear a abobrinha. Não é para ficar muito tempo, deixe-a bem tenra.
4. Em uma tigela, misture o cuscuz frio com a amêndoa, a abobrinha, o damasco, o sal, o azeite e a pimenta. Não economize no azeite. Eu gosto do cuscuz um pouco úmido.

Variações: utilize berinjela, preparando-a como a abobrinha; outras opções são passas de uva, nozes e castanhas-de-caju. Enfim, invente.